Filmes Listas Séries

5 personagens com doenças mentais que são exemplo de superação

Caso você, ou alguém que você conheça, precise de ajuda, não hesite em pedir. Ligue 188 para conversar com um voluntário do Centro de Valorização da Vida.

A campanha Setembro Amarelo acontece no mundo todo, visando a busca de conscientização e discussão ao tema que ainda é considerado taboo. O suicídio é a causa de morte de 800 mil pessoas por ano, tendo subido 60% nos últimos 45 anos e, se não começarmos a falar sobre, essa taxa não deve diminuir.

Ainda que estejamos começando a entender os motivos pelos quais uma pessoa pode cometer suicídio, ainda temos dificuldade para apoiar tanto os que tentam se suicidar quanto àqueles que perderam alguém dessa forma. Uma das principais dificuldades é exatamente em abordar e conversar sobre o tema.

A lista a seguir foi cuidadosamente escolhida para você, que gostaria de entender um pouco mais sobre o assunto ou para você, que não está conseguindo ver como pode viver com o que te aflinge.

Os 5 personagens à seguir sofrem com doenças mentais e encontram um modo de lutar todos os dias.

Atypical

*Apesar de autismo não ser considerado uma doença mental e sim um transtorno, escolhemos colocá-lo na lista por sua importância e pela qualidade e sensibilidade que é tratada na série.

Atypical é uma série da Netflix que possui duas temporadas e tem impressionado pela sua qualidade e sensibilidade em tratar o tema autismo. O personagem principal, Sam (Keir Gilchrist) é autista e enfrenta várias dificuldades por conta disso. Situações que, para uma pessoa neurotípica, poderiam ser consideradas comuns, para Sam são um desafio constante.

Ainda que o mundo pareça um lugar hostil para Sam, sua família e amigos estão sempre ao seu lado e a sua persistência e coragem são admiráveis.

O Mínimo para Viver (2017)

O Mínimo para Viver foi um filme muito criticado por tratar de maneira relativamente romantizada o tema da bulimia e da anorexia, no entanto, seu tema é tão importante e a quantidade de filmes de fácil acesso sobre o assunto é tão pequena, que achamos que ele deveria ser citado nessa lista.

Ellen (Lily Collins) é uma jovem mulher que têm anorexia à anos e, após várias tentativas de tratamento sem sucesso, vai para uma casa de reabilitação aonde outras pessoas com distúrbios alimentares são tratadas. Sua luta com a doença é bem retratada, de forma bruta e quase gráfica, mostrando como isso a afeta e àqueles que estão a sua volta, bem como evidencia, através dos outros personagens, como distúrbios alimentares não têm idade, raça ou sexo, é algo que qualquer pessoa pode vir a ter.

 

As vantagens de Ser Invisível (2012)

As Vantagens de Ser Invisível foi considerado por críticos como o novo O Clube dos Cinco, por mostrar a vida de adolescentes que enfrentam problemas, decepções e pressão e ainda assim, mantêm o bom-humor. Apesar de todos os personagens serem muito complexos, Charlie (Logan Lerman) é o mais bem trabalhado (até por ser o protagonista) e tem depressão.

O filme retrata a vida de Charlie e podemos perceber que, ainda que a depressão e a sua tentativa de suicídio sejam parte de quem ele é, isso não é o que o move e muito menos o principal na sua vida. Charlie é muito mais do que a sua doença e seu “histórico”, ele é um adolescente com um passado traumático, amigos incríveis e uma sensibilidade invejável.

Uma Mente Brilhante (2001)

Inspirado em uma história real, Uma Mente Brilhante, conta a história do matemático John Nash (Russel Crowe), um homem brilhante que é diagnosticado com Esquizofrenia Paranoide aos 30 anos e no auge de sua carreira.

Durante o filme, vemos a luta de Nash para distinguir o que é real e o que é alucinação e, por vezes, nem o espectador sabe bem o que é o que, passando a ideia de como é viver com essa doença. John lutou a vida toda contra a doença, até seu falecimento devido à um acidente de carro, mas ainda assim estabeleceu sua carreira e foi um exemplo para muitos.

This is Us

This is Us é uma série da NBC que mostra a história de uma família que é cheia de problemas, desafios, mas se mantém unida pela fraternidade e carinho. Randall (Sterling K Brown) é um dos personagens favoritos de quem acompanha a série, principalmente por ser um ótimo filho, pai e marido. Mas toda perfeição têm seu preço e, a pressão (muitas vezes infligida por ele mesmo) fez com que Randall se tornasse uma pessoa extremamente ansiosa, sofrendo com ataques de pânico.

A sociedade exige cada vez mais de nós, mais imediatismo, mais atenção, mais presença, e isso tem feito com que o número de pessoas diagnosticadas com ansiedade aumentassem cada vez mais. Assim como Randall, a pressão por ser perfeito o prejudicou, mas o seu caráter e sua sensibilidade falam mais forte. É preciso aprender a perder, mas, para isso, não é preciso perder à si mesmo.

 

Gostou da lista? Tem algum personagem que você se inspira para continuar se mantendo forte? Conte para a gente!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s