Filmes Listas Música

Dia Mundial do Rock: 10 filmes que tratam sobre o assunto

Com certeza, muitos outros filmes ficaram de fora.

Em homenagem ao Live Aid, megafestival que aconteceu em 13 de julho 1985, com diversos artistas da cena rock do mundo em prol de pessoas em situação de fome na Etiópia, a data ficou eternizada – pelo menos no Brasil – como Dia Mundial do Rock.

No Brasil por que, em todo o resto do mundo, ela é completamente ignorada. Dia de rock é todo dia, bebê! Por isso, que tal preparar os fones de ouvido e a pipoquinha para curtir algumas produções audiovisuais dedicadas ao estilo musical que mantém gerações vivas?

Anote aí!

ROCK STAR (2001)

Ambientado nos anos 80, o filme traz como protagonista Mark Wahlberg, que interpreta Chris Cole, um aspirante a astro do rock que vê sua vida mudar após Bobby Beers (Jason Flemyng), vocalista de sua banda favorita, e da qual ele tinha um grupo cover, Steel Dragon, ser expulso.

Ao lado de grandes músicos de vida real, como Jason Bonham (Led Zeppelin, UFO) e Zakk Wylde (Black Label Society, Ozzy Osbourne), Chris finalmente sente o gostinho da vida de rockstar que sempre quis. Jennifer Aniston também está no elenco.

SING STREET (2016)

Mais um ambientado nos anos 80. Nesse, em sua cidade do interior irlandês, Conor Lawlor (Ferdia Walsh-Peelo) quer conquistar o amor da sua vida: Raphina (Lucy Boynton).

Para tentar ter sucesso no objetivo, ele a convida para participar do clipe da sua banda, Sing Street. O problema é que ele ainda não faz parte dela.

ALMOST FAMOUS – Quase Famosos (2000)

Um dos filmes mais lembrados quando o assunto é rock and roll, o filme segue William Miller (Patrick Fugit), jovem de 15 anos e crítico musical para a Rolling Stone, que acompanha uma turnê da banda Stillwater pelos Estados Unidos.

A produção é baseada na história pessoal do diretor Cameron Crowe, que foi um jornalista e acompanhou bandas como Allman Brothers, Led Zeppelin, Eagles e Lynyrd Skynyrd e tem ainda Kate Hudson, no papel da sugestiva Penny Lane.

A trilha sonora original do filme, composta pela banda fictícia, ficou famosa e teve seu relativo sucesso.

DETROIT ROCK CITY – Detroit a Cidade do Rock (1999)

O plano de fundo aqui é a própria banda Kiss, uma vez que uma das músicas do grupo dá nome ao filme. Nele, quatro adolescentes, fãs dos nova-iorquinos, têm uma banda cover e tentam de tudo para ver seus ídolos ao vivo.

A produção é ambientada em 1978 e tem participação memorável dos membros Kiss como eles mesmos, e trilha sonora tem ainda bandas como AC/DC, Black Sabbath, Van Halen, Pantera e Blue Öyster Cult.

FRANK (2014)

Excentricidade. John Burroughs (Domhnall) sonha em ser tecladista em uma grande banda. Um acidente o coloca no caminho dos Soronprfbs, uma banda de rock e pop que tem um frontman meio esquisito.

Frank (Michael Fassbender) jamais tira sua gigante cabeça artificial, seja para comer, tomar banho ou dormir. Mais ou menos o que imaginamos que aconteça com o Daft Punk.

SCOTT PILGRIM VS. THE WORLD – Scott Pilgrim Contra o Mundo (2010)

Em Toronto, no Canadá, Scott é o baixista da banda Sex Bob-omb e namorado de Knives Chau, para quem ele não ligava muito, até que se apaixona por Ramona Flowers.

Para manter o relacionamento com Ramona, Pilgrim descobre que terá que derrotar todos os seus sete ex-namorados e namoradas. Um por um. Cada um de uma maneira diferente.

É tão doido como se pode imaginar.

SCHOOL OF ROCK – Escola de Rock (2003)

Jack Black sempre caminhou nesse limiar entre a música e o cinema. E neste musical ele é Dewey Finn, um roqueiro frustrado após ser expulso de sua banda, No Vacancy.

Desempregado, ele vê uma oportunidade de ser um professor impostor em uma escola conservadora de alta classe. Lá, enxerga em seus alunos, por volta dos 10 anos de idade, a oportunidade de montar uma banda e participar da “Batalha das Bandas”, e então se provar o astro do rock improvável que todos duvidavam.

A trilha sonora é recheada de clássicos e foi, inclusive, indicada ao indicada ao Grammy.

THIS IS SPINAL TAP – Isto é Spinal Tap (1984)

Esse mockumentary apresenta ao mundo a banda britânica fictícia de heavy metal Spinal Tap. O produtor Marty Di Bergi (Rob Reiner, diretor do longa) decide filmar os bastidores da turnê da banda, mas nem tudo é glamouroso como a vida de rockstar parece ser.

Durante a tour, a banda sofre com diversos problemas internos e conflitos de egos, que a levam à beira do fim, com diversos diálogos estranhamente hilários e insultos gratuitos, exatamente como têm de ser.

À época, o filme não foi muito bem recebido, pois público e crítica pensaram se tratar de uma banda real, e as avaliações foram de “non-sense” a “mal filmado”, passando por diversos outros adjetivos nada amigáveis.

Mas, anos depois, o mockumentary se tornou um clássico e elevado ao status de cult, responsável pela popularização do gênero cinematográfico.

Parte dos atores que interpretaram a banda realmente sabia tocar seus instrumentos, e tocaram e cantaram na produção.

WAYNE’S WORLD – Quanto Mais Idiota Melhor (1992)

Originado de um quadro “Saturday Night Live”, o filme conta a história de Wayne (Mike Myers) e Garth (Dana Carvey), dois amigos metaleiros que tocam um programa alternativo de TV, de acesso gratuito, no porão da casa dos pais de Wayne.

Após venderem os direitos do programa para Benjamin Oliver (Rob Lowe), eles vão comemorar em uma boate. Lá, Wayne se apaixona por Cassandra Wong (Tia Carrere), mas se encontra novamente com Benjamin, que também quer ficar com a mocinha.

TENACIOUS D IN: PICK OF DESTINY – Tenacinous D: Uma Dupla Infernal (2006)

Mais uma vez, Jack Black. Nesta ópera rock, JB (Jack Black) e KG (Kyle Gass) estão determinados a montar a maior banda de rock do mundo. Para tanto, eles resolvem ir atrás da Palheta do Destino.

A tal palheta teria sido forjada a partir de um fragmento do dente do próprio diabo, e passou pelas mãos de vários guitar heroes, como Eddie Van Halen e Angus Young (AC/DC).

O elenco ainda tem Ronnie James Dio (Rainbow, Black Sabbath), interpretando ele mesmo, e Dave Grohl (Nirvana, Foo Fighters, Queens of the Stone Age) como o próprio Demônio.

ATENÇÃO: O clipe abaixo é uma das cenas finais do filme e contém spoilers.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s